Novo/a no Ateísmo-PT? Começa por aqui.

FAQ: “Só estás a atacar as formas mais primitivas / literais da religião, ignorando toda a teologia sofisticada.”

Um problema aqui é que os “teólogos sofisticados” são uma minoria ínfima, sem influência ou poder (se bem que conseguem continuar a publicar livros), que virtualmente não afectam em nada as crenças da esmagadora maioria dos crentes. (Citando Richard Dawkins, quando um “teólogo sofisticado” diz numa igreja ou mosque que “não importa se Deus existe realmente ou não, o que importa é se ele é real para mim ou para ti”, os membros da congregação vão chamar-lhe ateu… e vão estar certos.)

E não são os “teólogos sofisticados” que exigem, e vão votar em, referendos para tirar direitos básicos a uma parte significativa da população, ou que cometem crimes violentos em nome do seu deus, ou que se opõem a ramos promissores da ciência por isso entrar em conflito com um livro escrito por primitivos pastores do deserto na Idade do Bronze.

Em resumo, “teólogos sofisticados” não me afectam, como ateu e como membro da sociedade. Não afectam a sociedade, ponto. E, a meu ver, não afectam sequer os outros crentes, incluindo tu próprio. São uma pseudo-elite a “brincar” numa brincadeira que só eles entendem, porque foram eles que a inventaram, a jogar um “jogo” que não passa para eles de uma masturbação intelectual, sem resultados práticos ou testáveis (alguém capaz de dizer que “Deus é o Deus para além de Deus” (Karen Armstrong) já deixou de se preocupar com o que é real e o que não é há um bom tempo).

Acuso-os também, já agora, de criar a sua própria religião (qualquer religião que não venha dos livros sagrados originais é criada pelos crentes actuais), um acto intelectualmente desonesto que já mencionei no passado.

E comparo a teologia à “painatalogia” ou à “gambozinologia”, o estudo detalhado de algo que não existe, e do qual os teólogos não sabem realmente mais do que o crente mais ignorante… ou do que o ateu típico; que forma têm eles de investigar, a não ser inventando?

De qualquer forma, se quiserem transmitir-me (comentando) alguma coisa brilhante dita por um “teólogo sofisticado” que achem que “dê a volta” às minhas críticas à religião, estejam à vontade.

(Nota: por favor, restringe quaisquer comentário que faças à pergunta e resposta anteriores, e não a outros assuntos, como a existência ou não-existência de Deus. Obrigado.)

Etiquetas: ,

Comentar


Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 2.5 Portugal
This work by Dehumanizer is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivs 2.5 Portugal.